2 milhões de famílias poderão entrar no Auxílio Brasil, confira mais

Saiba mais sobre o Auxílio Brasil.

O governo federal planeja colocar milhões de brasileiros na folha de pagamento e eliminar a lista de espera por benefícios.

As discussões no Congresso Nacional sobre a proposta de valorização do Auxílio Brasil movimentaram bastante na última semana. O já aprovado PEC Kamikaze amplia a parcela paga às famílias e famílias de baixa renda dos atuais R$ 400 para R$ 600.

Outra mudança não incluída no texto, mas em análise pelo governo, é a inclusão de cerca de 2 milhões de famílias na folha de pagamento nos próximos meses. Segundo o Ministério da Cidadania, o número é suficiente para retirar a lista de espera.

Técnicos da equipe do presidente Jair Bolsonaro trabalham na possibilidade de usar os R$ 26 bilhões destinados ao Auxílio Brasil para matricular mais pessoas no programa. Todos os beneficiários recém-admitidos também receberão parcelas de R$ 600.

Recorde-se que as medidas previstas no texto da PEC são válidas até dezembro de 2022, sem previsão de prorrogação. Os pagamentos sobrecarregados estão programados para começar em agosto.

Auxílio Brasil


O benefício foi criado para ajudar famílias em situação de extrema pobreza em todo o país. Para acessá-lo, as seguintes regras devem ser respeitadas:

Ter cadastro ativo no CadÚnico (CadÚnico);
Viver em extrema pobreza (renda mensal de até R$ 105 per capita); ou
Viver na pobreza (até R$ 210 de renda mensal per capita) desde que haja entre os membros da família pelo menos uma gestante, lactante ou menor de 21 anos.


Consulta em julho

Informações sobre aprovação, valor da parcela e data de pagamento podem ser visualizadas no aplicativo da Auxílio Brasil. Além do aplicativo oficial do programa, o usuário pode conhecer os benefícios do Caixa Tem.

Existem também canais de atendimento telefônico, a saber: Central de Relacionamento Ministério da Cidadania (nº 121) e Central de Atendimento Caixas (nº 111).

Veja também:

Recommended For You

About the Author: wpadmin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.